quarta-feira, 26 de Março de 2014

CARLOS O CONSTRUTOR


Ou talvez Carlos o Promotor Imobiliário, poderá ser o epíteto reservado para Carlos Carreiras quando alguém o quiser lembrar no futuro…
Não sabemos hoje o que estará reservado aos nossos netos em termos de ameaças aos seus filhos para os obrigar a comer a sopa. Quem sabe se muitos não se verão na contingência de os ameaçar que, se não comerem a sopa toda, vão chamar o Carlos Carreiras outra vez para a Câmara de Cascais?…
A veia construtora de Carreiras é antiga.
Ainda só porfiava por vir a ser vereador e já era usual a sua presença a acompanhar promotores imobiliários de “coisas boas” como foi o caso dos paralelepípedos do Estoril Sol…
Quando Sousa Cintra o pôs na alheta (Sim, Sousa Cintra é o grande responsável por termos este aprendiz de BOB na Câmara de Cascais!) ele ainda foi “estagiar” por uns tempos no escritório do filho de Cintra.
Não sabemos o que aprendeu mas os frutos deste processo estão aí já à vista.
A história do mamarracho em frente à estação de comboios em Cascais sempre esteve mal contada. Dizem as más-línguas que esse negócio foi articulado por um ex administrador da Parpública que por caso tem feito algumas aparições como mandatário de candidaturas de Carlos Carreiras a diversos sítios…
Agora, com ordem de demolição e tudo, o justiceiro do betão vai autorizar uma coisa semelhante em uso, volumetria e índice…
Caiu como uma surpresa estranha a forma como Carreiras decidiu apresentar o Plano de Pormenor de Carcavelos Sul. Habituados que estávamos a que fossem os promotores a fazer a despesa de convencer a populaça das suas “boas intenções”, desta feita Carreiras, o Presidente de Câmara de Cascais, arregaçou as mangas e foi ele dar o “peito às balas” na defesa do aborto de Carcavelos!
Muito bizarro!
Ainda não refeitos da surpresa amarga, eis nova notícia que demonstra o espírito empreendedor do nosso construtor presidente com um “belo protocolo” com a Fundação AGA KHAN que transforma uma escola de elite no passaporte para uma urbanização  com 120.000 m2 em zona onde não seria de aprovar mesmo com o PDM “perna aberta” que se mantém em Cascais!
Carlos Carreiras é um mestre. Em Carcavelos o argumento é o tribunal e o Desportivo de Carcavelos, em Birre é a Escola dos iluminados!
Mas, os discursos que fazia nos tempos de Judas não colam mesmo nada com a prática corrente!

Na tentativa de encontrar uma justificação para esta situação fiz uma aturada busca no Google e, na décima página obtive finalmente a resposta: Afinal Carlos tem uma Carreira como promotor da REMAX! Não acreditam? Deixo-vos a imagem…

sábado, 22 de Fevereiro de 2014

ACABAR COM A PROSTITUIÇÃO JÁ!



A prostituição é a actividade de quem obtém lucro através da oferta de serviços sexuais. (Dicionário Priberam)
Nesta coisa de venda de serviços “esquisitos” é muito parecida a actividade da prostituição com a de alguns políticos da nossa praça.
Tal como os praticantes da prostituição, seja feminina ou masculina, há hoje uma série de políticos que deixaram de colocar o enfoque no ideário político que deveriam seguir e defender a bem da comunidade e do país e passaram a vender o seu voto a quem o agracie seja lá de que maneira for…
Esta conversa toda serve de intróito para a discussão de um tema que está na ordem do dia:
O Plano de Pormenor do Espaço de Reestruturação Urbanística de Carcavelos-Sul.
Tenho assistido à discussão dos argumentos contra e a favor mas há um argumento esgrimido ultimamente que merece ser comentado especialmente: o Plano deve ser aprovado porque assim, onde está a mata onde se praticam actos atentatórios da moral e dos bons costumes, nomeadamente prostituição, a mesma é arrasada, constroem-se uns prédios, uns condomínios privados, e acaba-se com o assunto!
Quando muito, o mais que poderá acontecer é as ditas prostitutas comprarem uns apartamentos ao senhor Ribeiro e passarem a desenvolver a sua profissão de forma mais recatada…
Esta ideia é brilhante e para todos os que achavam que na equipa da Câmara de Cascais havia um deficit de QI aqui fica a prova de que é uma mentira! Um tipo normal, um tipo com um QI normal, nunca se lembraria de um argumento destes!
Só um fora de série como Carreiras ou Piteira é que descobriam um argumento tão assertivo e que definitivamente vai convencer os moradores de Carcavelos que é melhor levar naquele espaço com 1000 fogos porque assim deixa de haver prostituição… à vista…
Este Plano, a ser aprovado, vai constituir um precedente que vai chamar a atenção de inúmeros autarcas para resolver problemas semelhantes.
Estou a ver António Costa a adoptar uma medida semelhante na Mata de Monsanto, uma mega urbanização no pulmão de Lisboa e adeus prostitutas!
E o pinhal de Leiria? Vai ser uma mina!
E Estarreja, Ovar, Feira, enfim as matas e os pinhais vão ter os dias contados se persistirem em dar guarida à prostituição!

Qual multar as prostitutas pelo lixo que deixam no chão no desenvolvimento da sua atividade, árvores abaixo, calças e prédios para cima!

domingo, 9 de Fevereiro de 2014

SCOLARI TINHA RAZÃO!

Quando Scolari celebrizou a frase “…E o burro sou eu?...” confesso que na altura fiquei na dúvida se era apenas uma discussão filosófica de cariz existencial ou se tinha algo de premonitório. Não dei importância e devia ter dado. Mas mais vale tarde…
O treinador brasileiro tem carradas de razão. Não só não é ele que é o burro como ficou claro para mim a quem cabe o epiteto!
Fui fazer alguma investigação acerca da espécie asinina e verifico que a população tem vindo a diminuir na Europa conforme o gráfico que segue.

Parece que a última colónia da espécie (parece que restam 6 na zona de Cascais) tomou conta da maioria do executivo municipal de Cascais e as suas decisões são dignas de… burros…
A última burrice conhecida parece ser a intenção de aprovar um plano de pormenor em Carcavelos com mais de 900 fogos, comércio e serviços, mesmo em frente da praia de Carcavelos e ao lado do sítio onde querem colocar o MBA de Economia da Universidade Nova.
A malta de Carcavelos tinha a mania que vozes de burro não chegam ao céu mas parece que se enganaram desta vez…
Os peixinhos do surf afirmam que estes prédios de 8 ou 9 pisos vão fazer desaparecer a areia da Praia de Carcavelos por alteração dos ventos. Todos os sítios onde se construíram prédios na linha de Costa deu cabo do areal das praias num instante. Vejam Esmoriz, Costa da Caparica, Ofir, Monte Estoril, e mais não sei quantas…
Mas os Lanudos de Cascais querem fazer isto por revanche… antes que os camelos autóctones se apercebam que são os burros que mandam!...  




segunda-feira, 30 de Dezembro de 2013

CASCAIS EM REVISTA...

“Carreiras é um doce” afirmou Miguel Relvas.
 Não sabemos se Miguel o provou ou se intuiu a doçura do autarca…

O realce fica ainda com Pedro Campilho que farto destas fofices tirou uma soneca e para a senhora que espreitava para dentro do decote quiçá procurando o pedaço de sobremesa que lhe caíra do talher… Atento, Arlindo Carvalho confirma que Relvas não vai aproveitar para falar do caso BPN…

Carlos Carreiras cedo quis demonstrar que qualquer um pode conduzir carros e dessa forma colocar no seu lugar João Salgado.
 Já conduzir pessoas, isso está ao alcance de muito poucos!
Considerar-se-á Carlos um deles?...

Carlos Carreiras não perde uma oportunidade para mostrar que tem pedalada.
Insiste em ir na frente do pelotão mas, num grande prémio é preciso trabalhar para a equipa. Carlos Carreiras acha-se a própria equipa. 
Quando o PSD perceber que há muito mais para além de Carreiras…
Carlos tem fama de saber lidar com o “polvo”. 
O de Cascais já tem denominação registada!

Carlos Carreiras é conhecido nos meios mais próximos como o Rei do Karaoke.
Não sabe uma letra de música, nunca escreveu um verso na vida mas canta sempre com elevada convicção e, pelo menos os mais distraídos, chegam a acreditar que o que canta é original…

Se Carlos Carreiras tivesse falhado a eleição como Presidente de Câmara já tinha desenhado uma alternativa: Pastor da IURD!
Afinal está lá tudo, desde o iludir os pacóvios até à coleta da dízima!...
Por último deixamos uma imagem de marca do nosso edil: fazer boquinhas e mandar boquinhas…

domingo, 10 de Novembro de 2013

GOD SHAVE THE QUEEN!

(Que Deus faça a barba a esta rainha!)


A apresentação pública da distribuição de Pelouros em Cascais deixou-me sem fôlego de tanto rir.
O novo Presidente que nos habituou ao longo dos últimos anos a uma postura entre o Alberto João, Adolfo Hitler e Vladimir Putin revelou-se agora que quer, pelo menos nos próximos 4 anos, inglesar Cascais e assumir-se como a Rainha Mãe!
Poucos poderes directos, apenas os que resultam da letra da Lei, que assim, se correr mal, se faltar o dinheiro ou se já não houver mais lugares para os desempregados do PSD do Distrito, pode sempre invocar que a culpa afinal não é dele mas que promete tentar ajudar…
Miguel Pinto Luz passa a ser o manda chuva de Cascais.
Miguel foi catapultado a Luz do Farol de Cascais. Ele é que sabe que caminho seguir. Ele orienta as outras criaturas investidas em lugares de vereação. Ele é Turismo. Ele é Desenvolvimento Económico. Ele é lixo e esgoto. Ele é tudo o que possam imaginar porque só ele sabe até onde queremos ir…
Depois tem uma outra novidade fantástica esta distribuição de Pelouros que é as novas funções atribuídas a Nuno Piteira.
O rapazito não aprendeu o suficiente enquanto foi adjunto de Pedro Caldeira Santos e ficou provado que se não foi nestes últimos quatro anos também nos próximos quatrocentos anos não conseguirá ter alguma competência decente na área financeira…
Mas os novos Pelouros poderão indiciar que as escolhas foram algo apressadas. Piteira é bom com cartões (de militante) já com cartas (topográficas)…
Entregar o Urbanismo a Piteira Lopes dá a todos os Cacalenses a noção de segurança, o sentimento de que estamos todos “bem entregues”. E estamos…
A menina de Sintra vem dar Cultura e tomar conta dos nossos jovens.
Ao jovem Frederico continua a competir a Acção Social e o Desporto e a nova vereadora Paula Gomes da Silva herda a bela trampa que Piteira andou a fazer nos últimos quatro anos na área Financeira. Coitados. Ambos sem dinheiro…
Perante este panorama podemos dizer sem embargo que Miguel Luz acaba por ser promovido a Príncipe consorte.
Príncipe parece que é, mas dizer que é “com sorte”? Nesta companhia?...


Nota: Na imagem pode ser feita confusão com o avental do Miguel, mas não, o homem tinha apenas um bolo ao lume e não teve tempo de o tirar para a fotografia...

terça-feira, 1 de Outubro de 2013

FRAGMENTOS AUTÁRQUICOS…




I – MIGUEL PINTO LUZ
“Ah, se fosse tão fácil ganhar eleições autárquicas como é aviar concelhias do PSD…” foi o pensamento de Miguel Pinto Luz na noite de domingo, conforme ia vendo o descalabro em que tinha enfiado o seu PSD no distrito de Lisboa.
Oeiras 1 - Moita Flores 0;
Sintra 1 - Pedro Pinto 0;
Lisboa 1 – Seara 0;
Loures 1 – Fernando Costa 0;
E por aí fora, restando Cascais e Mafra como os únicos concelhos em que o PSD se aguentou. A rapaziada laranja até podia ter eleito o Tó Zé Seguro para a Distrital que o resultado não podia ser pior…
Se fosse possível organizar excursões para as mesas de voto e levar uns “cartões de eleitor marados” como se fez em Cascais para a sua eleição como Presidente da JSD há uns anos tinha sido outro o resultado…
A teimosia de Luz em não querer que o seu adversário interno Marco Almeida fosse o candidato do PSD em Sintra entregou aquele concelho de mão beijada ao PS. E agora, ofendido quer expulsar Marco e Capucho do PSD!
O homem anda com o cérebro afectado.  
Se tivesse vergonha, depois da burrada que fez à frente da Distrital, em vez de continuar em bicos de pés para ir para o Governo devia era emigrar para a Madeira. Dizem que lá agora é mais difícil encontrar malta do PSD…


II - MADEIRA
Por falar em Madeira, parece que a Madeira mudou de sítio e está agora localizada entre o Cabo da Roca e a Praia da Torre…
Alberto João Jardim encontrou um sucessor à altura, no que respeita a arte de enganar o Zé Povinho e perpetuar-se no poleiro através da missão empregadora dos organismos do estado: Carlos Carreiras acaba de usurpar o lugar do idolatrado Jardim.
Cascais passou a ser um dos poucos fornecedores autorizados de emprego (não trabalho!) para a malta do PSD poder justificar o tempo de espera entre eleições…
Depois de ter passado no exame do fogo de artifício, e numa primeira fase de disfarce nas marchas de Cascais este ano, Carreiras e a sua equipa maravilha vai atacar a sério o Carnaval!
Já estou a ver Carreiras a desfilar na bateria, com o seu fatinho de chefe índio, trazido de propósito do interior do Brasil pelo seu novo empregado Alexandre Faria…
Alberto João Jardim demorou 35 anos a ser topado pelos seus eleitores, Carlos Carreiras não vai aguentar tanto tempo até porque já tem um “clube de fans” que o topa de ginjeira…
Agora Jardim ficou de tanga.
Carlos Carreiras que se cuide.
Os tempos já não são o que foram e Cascais não é a Madeira!
João Jardim demorou 35 anos. Carreiras demora 3,5?...

sexta-feira, 20 de Setembro de 2013

A ESPERTEZA SALOIA


Estes tempos de eleições trazem-nos coisas difíceis de explicar.
Mas há uma coisa que vos posso garantir: Carlos Carreiras vai ficar para a história!
Não será pelos melhores motivos, mas que ficará na nossa lembrança como um marco ficará de certeza!
Não será pela cultura. Carlos Carreiras é o mesmo que torrou milhões de euros em espectáculos mas que acabou (ou tentou acabar) com o Festival Internacional de Música da Costa do Estoril cancelando a atribuição do subsídio que a Câmara de Cascais sempre garantiu nas 38 edições anteriores!!!!!!). Com a boçalidade que lhe é reconhecida terá feito o comentário de que, para o número de espectadores que frequentam estes espectáculos, lhe saía mais barato levar as pessoas de avião a Salzburgo! Alguém conhece um nome menos agressivo do que pateta que lhe possamos chamar?
Para Carreiras, Carreras é um caso perdido…culturalmente falando, claro!...
Não será pelo desporto. Ao mesmo tempo que gasta milhões a subsidiar o pessoal da Quinta da Marinha que vive em part time no Clube Naval de Cascais, deixa à míngua os restantes clubes que assistem à promessa de atribuição de subsídios virtuais, já que o dinheirinho mesmo não aparece!
Não será pelo planeamento em Cascais e pela gestão do seu território. O projecto de PDM que se prepara para tentar aprovar é a maior anedota que alguma vez se viu. Quem, como ele, vociferou pela asneira do que o PDM de Judas representou para Cascais pode agora enfiar a viola no saco. Judas, estás definitivamente perdoado!
Universidades a esmo (pelo menos prometidas…) troca de hotéis por edifícios de apartamentos, uma selva de betão nos terrenos envolventes do St. Julians School, é a ausência de um rumo bem delineado para Cascais! Ou talvez não, talvez o interesse, para alguns, seja a ausência de regras e de um rumo bem definido!...
Não será pela visão estratégica do Concelho. O tiro de misericórdia que Carreiras permitiu que fosse dado na marca Estoril vai sair bem caro ao concelho! Sabemos todos o que Carreiras não quer, o que quer saberá ele… Ou nem ele?...
Carreiras para tentar ganhar as próximas eleições autárquicas fez tudo o que os livros dizem que se deve fazer para ganhar eleições.
Mas para ganhar eleições, os eleitores já não vão lá só com cantadas…
Durante 2 anos não houve inaugurações de qualquer tipo de obra e algumas arrancaram nessa altura com um prazo de execução de poucos meses…
Depois, a seis meses de eleições, Cascais transformou-se num enorme estaleiro! Somos todos palermas, ou já todos percebemos o que se está a passar?
Quanto custa a mais esta lufa lufa de última hora?
E no desespero, (as sondagens são uma chatice, a opinião pública está cada vez mais desligada da partidocracia) entra a falta de discernimento.
Sabemos que Carlos Carreiras tem Lavrador no nome.
Tem andado a prometer hortas comunitárias a torto e a direito.
Mas posar para a fotografia de enxada na mão quer-nos convencer que o futuro de nós todos é cavar.
Cavar bem fundo o buraco onde Carreiras nos quer enterrar.
Cavar de Cascais ou pôr a cavar daqui para fora quem nos está a hipotecar o futuro.

Estamos fartos de tanta esperteza… desta esperteza saloia!